23 de abril de 2018 - 18:43

Política

18/03/2018 09:53

TRE cassa mandato de vereadores por uso de "candidatas-laranjas"

COTA FEMININA

Fonte: Marreta Urgente

A Justiça Eleitoral condenou a chapa de vereadores da coligação PRTB/Rede que elegeu dois vereadores em Rondonópolis: Roni Cardoso e Bilú do depósito de areia.

A sentença da Juíza Tatyana Lopes de Araújo Borges, foi uma  ação proposta pelo Ministério Público que apurava o uso de mulheres como ‘candidatas laranja’ pela Coligação Juntos Faremos a Cidade que Queremos (PRTB/Rede), nas eleições de 2016, que  resultou na anulação dos votos de toda a chapa, que elegeu dois vereadores em Rondonópolis.

A justiça entendeu que Dinise Frichs e Edna Magali Ferreira, candidatas a vereadora pela coligação PRTB/Rede, tiveram ‘zero’ voto.

E elas foram utilizadas  como ‘laranjas’, ao  concordarem em dar apenas seus nomes para preencherem os 30% da cota para mulheres e, consequentemente, isso abria mais vagas para homens dentro da coligação.

Com a decisão  os suplentes  Denilson Sodré, o Dico (PROS), e Hussein Daud (DEM), aguardam para assumir as vagas dos vereadores cassados.

Cabe recurso, os vereadores  Roni Cardoso e Bilu da Areia irão realizar o recurso e por enquanto sem desocupar  a vaga na câmara de vereadores.

A decisão somente terá efeito após esgotados os recursos no TRE/MT.

REDAÇÃO

 


Copyright  - Nobres Noticias  - Todos os direitos reservados

Plantão
65 99217-1615